Arquivo

Archive for Outubro, 2011

TechEd 2011 – General Session – News

Fala pessoal.

O evento TechEd 2011 foi ótimo e teve como um dos principais focos a plataforma Azure, que me interessa muito.  Em todos os horários você poderia ter a chance de assistir uma palestra sobre este assunto e com conteúdo diferente como, por exemplo, Windows Azure, SQL Azure, Storage, AppFabric, Service Bus, Caching, e etc.

Mas como de costume, a Microsoft apresenta em uma palestra todas as novidades que estão por vir. E neste artigo vou descrever tudo que foi apresentado na General Session (além do Azure).

XBOX 360

Sobre o XBOX 360, foi anunciado que o mesmo já esta sendo fabricado no Brasil e que todas as unidades sorteadas no evento seriam nacionais.

Veja mais em: http://www.xbox.com/pt-BR/xbox360/wheretobuy

Office 365

Este novo Office funcionará utilizando os conceitos de nuvem. As suas funcionalidades serão:

  • Exchange Online: O melhor servidor/gerenciador de e-mails.
  • SharePoint Online: Ferramenta de Colaboração
  • Lync Online: Nova versão do Office Communications que tem novidades como tradução automática simultânea.
  • Office Professional Plus: Word, Excel, Power Point e OneNote. Tudo online.

Todos esses recursos poderão ser utilizados diretamente browser ao invés de ter instalado na maquina.

Veja mais em: http://www.microsoft.com/businessproductivity/pt/br/products/office-365.aspx

Windows Server 8

Esta será a nova versão do Windows para servidores. Que contará com mais de 100 novos recursos.

O recurso mais demonstrado foi a nova versão do Hyper-V que possibilitará integração entre nuvens públicas e privadas. O novo Hyper-V também poderá suportar VMs com até 16 processadores virtuais.

Veja mais em: http://www.microsoft.com/en-us/server-cloud/new.aspx

Kinect

Sobre o Kinect, foi apresentado um vídeo que demonstrava como a utilização de software de reconhecimento facial/movimentos poderia revolucionar vidas. Uma das partes mais comoventes mostravam crianças que tinham dificuldades com os movimentos devido a uma deficiência, utilizando o Kinect para estimular o exercício.

Este vídeo foi apresentado no Teleton da AACD.

Assista: http://www.microsoft.com/pt-br/showcase/details.aspx?uuid=40d1ec5c-b2b2-4b81-ae13-3932e51d5c9d

Windows Phone Mango

A Microsoft anunciou no evento que trará ,ainda este ano, para o Brasil a nova versão do Windows Phone. Esta versão leva o nome de “Mango” e estará nas lojas para o Natal.

As novidades são:

  • O novo conceito de interface chamado de “Metro”:
    que permite que você veja a execução do programa através de seu ícone.
  • Integração com as redes sociais: Por exemplo:
    Imagine que você queira enviar uma mensagem para alguém, após escrever esta
    mensagem, você pode verificar em qual rede social seu contato esta online ou
    até mesmo enviar via sms.
  • Softwares: O Mango ainda contará com o IE9 como
    seu navegador padrão e também estará 100% integrado com o MarketPlace da Microsoft.

Veja mais em: http://www.microsoft.com/presspass/presskits/windowsphone/

SQL Server Denali

Denali é um “CodeName” que a Microsoft da para um produto antes que ele seja oficialmente lançado. Provavelmente o nome oficial será SQL Server 2012.

A novidade apresentada mais me impressionou estava relacionado ao Reporting Services. Agora será possível o que o próprio usuário construa relatórios através de uma interface web intuitiva. A visualização dos relatórios também está em um novo patamar, os mesmos estão dinâmicos. Uma demonstração muito interessante sobre uma apresentação de um relatório dinâmico foi uma situação que podíamos ver quantidade de vendas de um determinado setor através da linha do tempo. A diferença é que esta a linha do tempo ia alterando o relatório como se fosse um vídeo.

Veja mais em: http://www.microsoft.com/sqlserver/en/us/future-editions.aspx

System Center 2012

Umas das novidades anunciadas do System Center 2012 foi à possibilidade de gerenciar tablets e celulares. Em uma das demonstrações, demonstrou a utilização de um feature que bloqueava um IPad através do System Center.

Outro recurso interessante demonstrado foi a utilização de uma solução VDI para gerenciar a rede de sua empresa através de um Tablet. Por exemplo: Como trocar o IP de duas maquinas.

Segue abaixo mais algumas features:

  • System Center e Intercept Studio: A Microsoft comprou a AviCode, e com isso agora é possível monitorar todas as etapas de uma aplicação. Por exemplo: Se uma aplicação esta lenta, você conseguirá descobrir se o problema esta na
    comunicação entre os webServices, na conexão com o banco ou se esta nas requisições das páginas. O que antes era tarefa que apenas o desenvolvedor conseguia fazer, agora também esta acessível para os IT Pro.
  • System Center e Mobile: Agora através de seu celular você poderá monitorar a saúde da sua rede. Por exemplo: Como anda a utilização de memória e processamento das maquinas e como esta o trafego da rede.
  • System Center + Hyper-V – “Concero”: Software que permite você implementar a sua rede de forma visual. Imagine você arrastar um icone de firewall entre dois computadores para que o mesmo seja configurado automaticamente. Sobre este tema também foi demonstrado uma rápida configuração de DMZ, aonde foi adicionado um Load Balance também de forma visual.

Veja mais em: http://technet.microsoft.com/pt-br/systemcenter/bb980621

E é isso ai, Espero ter descrito a maioria das novidades anunciadas.

Até mais.

Categorias:Eventos Etiquetas:

TechEd 2011 – Migrando uma aplicação para Windows Azure

Uma das palestras mais  interessantes e práticas que assisti no TechEd 2011 foi a palestra “Migrando uma aplicação para Windows Azure” do Rogério Cordeiro. (http://blogs.msdn.com/b/rogerioc/)

Nesta palestra ele descreveu quais são os passos necessários para fazer uma migração bem sucedida e quais são os pontos de atenção relevantes.

Segue abaixo as etapas necessárias migrar uma aplicação Web comum.

Mas.. primeiro, vamos definir que uma aplicação Web comum significa que este projeto contenha as seguintes características:

– Um projeto do tipo Web com páginas, css, javascript e imagens.

– Este projeto deve acessar um repositório de arquivos para upload/download.

– Este projeto deve também acessar uma base de dados SQL Server.

Ok?…

1 – Para começar a desenvolver para Azure você precisa de um SDK específico para o mesmo.

2 – A segunda etapa da migração para Windows Azure é fazer a migração da Base de Dados.

  • Crie uma conta no SQL Azure.
  • Baixe o programa “SQL Migration Azure Wizard” (http://sqlazuremw.codeplex.com/).
    Esta ferramenta analisa o seu script atual do Banco de Dados e demonstra os
    itens que poderiam não funcionar no Azure. A partir daí basta você ir corrigindo
    o script.
  • Rode o script no SQL Azure.
  • Aponte a connection String do seu sistema para o SQL Azure.

3 – A terceira etapa é migrar o repositório de arquivos. (utilizado para download/upload)

  • Crie uma conta Windows Azure Storage.
  • Altere a codificação do seu projeto para que a partir de agora comesse a
    utilizar o Blob do Azure ao invés do File System do Windows.

4 – Testando Localmente

  • Tecle “F5” (debug) que um emulador do Windows Azure irá subir localmente simulando a o comportamento real da aplicação nas nuvens.

5 – Publicar a aplicação Web

  • Crie um host no Windows Azure.
  • Publique a aplicação clicando em Publish que fica dentro do menu suspenso do projeto Windows Azure adicionado.
  • Configure sua conta de acesso ao Windows Azure.
  • Você pode verificar o status do deploy em uma nova janela do Visual Studio que aparecera enquanto o mesmo estiver sendo realizado

6 – Testar

  • Caso tudo funcione corretamente, um link de acesso para a sua aplicação nas nuvens será disponibilizado na janela de status do deploy.
  • Acesse sua aplicação e Teste.

Estes passos descritos acima foram muito uteis em uma recente migração que tive que fazer aqui na empresa. E os segui rigorosamente e tudo ocorreu muito bem.

Destaco aqui alguns pontos que devem ser dados maior atenção quando migrar uma aplicação para o Azure.

  • Banco de Dados: Nem todas as funções do SQL Server são suportadas pelo SQL Azure.
  • Variáveis de Sessão: Assim como em WebFarm, o uso de variáveis de sessão não é recomendado.

Segue abaixo alguns recursos interessantes:

Faça download da apresentação clicando aqui.

É isso aí.

Categorias:Azure, Eventos Etiquetas:, ,
%d bloggers like this: